• novas viaturas
  • helicopter_graer
  • Destaque Polícia Militar
  • Destaque Polícia Militar
  • Destaque Polícia Militar
  • Intranet
  • Estado

Administrativo

27/09/2011

Comandante Geral da PM empossa integrantes do conseg de Foz do Iguaçu

Por Marcia Santos
Jornalista PMPR

Dentro da programação de implantação e reativação dos Conselhos Municipais de Segurança (Conseg’s), o Comandante-Geral da Polícia Militar, Coronel Marcos Teodoro Scheremeta representou o secretário de segurança pública, Reinaldo de Almeida César na reativação do Conseg de Foz do Iguaçu, nesta segunda-feira (26), na Associação Comercial da cidade (Acifi). Além da participação da coordenadora estadual dos conseg’s, Michele Cabral, a solenidade contou com a presença de outras autoridades civis e militares.

Assumiu a presidência do Conseg de Foz, Carlos Alberto Morgado Galetti, e junto com ele foram empossados os demais membros da diretoria do conselho. “Para que o Paraná continue pujante e de paz social, o secretário de segurança pública, junto com as equipes de governo, elaborou o Plano Paraná Seguro que busca resultados de investimentos e a participação da comunidade”, destacou o Comandante-Geral da PM, coronel Scheremeta.

Os conselhos de segurança são fundamentais para o desenvolvimento da segurança pública na visão do Comandante-Geral. “Não adianta investir em equipamentos e tecnologias se a comunidade não trouxer as suas necessidades, pois é isso que faz com que um homem público possa gerir a sua cidade, ou sua instituição. Quando a comunidade tem necessidades e as mostra juntos às prefeituras, câmaras de vereadores, conselhos comunitários de segurança e governo do estado, as discussões vão direcionar para o melhor trabalho”, garante.

Entre as instituições que fazem parte do conseg de Foz estão as polícias civil e militar, ministérios públicos estadual e federal, polícia federal, núcleo de educação, prefeitura e câmara de vereadores de Foz e a associação comercial, além de representantes da comunidade. “Na segurança existe conhecimento, informação, inteligência e muito trabalho, mas para isso precisamos saber quais são os anseios da população. Então fica o convite para que nos tragam os anseios, pois a segurança é dever do estado, e no Paraná não fugimos disso, mas uma responsabilidade de todos”, ressalta Scheremeta.

As comunidades, de acordo com o coronel Roberson Luiz Bondaruck, coordenador de polícia comunitária da secretaria de segurança, podem ser mais autônomas nesta área. “Podemos construir sociedades mais fortes, por isso é importante que a comunidade não ache que os conselhos de segurança são muros de lamentações e levem, além das reclamações, as possíveis soluções para que sejam discutidas e implantadas se forem sustentáveis”.

O programa Paraná Seguro, lançado recentemente pelo governo do estado, possui três eixos de integração, que para o tenente - coronel César Alberto de Souza são fundamentais e norteiam as ações no plano da segurança pública. “Um deles é a integração que se divide em dois pontos principais: primeiro a parceria entre as forças de segurança e órgãos do estado, e a segunda da segurança pública com a comunidade”, descreve. “Este é o momento no qual precisamos construir uma segurança pública melhor em foz do Iguaçu, e o primeiro passo é fortalecer o conseg”, disse.

Também estiveram presentes o prefeito de Foz do Iguaçu Paulo Mac Donald Ghisi, que agradeceu a parceria das instituições e órgãos de segurança na construção de uma cidade mais segura. Já o presidente do conseg, por sua vez, disse que com a ajuda de todos será possível construir uma cidade ainda melhor e mais segura.

Fotos: Cabo Valdemir da Luz

   
                                                                                     Comandante Geral Coronel Scheremeta

   

   

   


Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.