• novas viaturas
  • helicopter_graer
  • Destaque Polícia Militar
  • Destaque Polícia Militar
  • Destaque Polícia Militar
  • Intranet
  • Estado

9º BPM

24/09/2013

Trio que efetuava tráfico de drogas no litoral do estado é preso pela PM em Pontal do Paraná

Por Marcia Santos
Jornalista PMPR

Três pessoas envolvidas no tráfico de drogas na região do litoral do estado foram presas na madrugada deste domingo (22/09) por policiais militares da 2ª Companhia do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM), pertencente ao 6º Comando Regional da PM (6º CRPM). Na ação, realizada em Pontal do Paraná (PR), certa quantia de maconha e de cocaína foram apreendidas, além de um carro com pendências administrativas.

“Através de denúncia, a equipe policial se dirigiu até o balneário de Ipanema, por volta das 5h, onde realizou a abordagem de três pessoas, dois homens e uma mulher, os quais estavam chegando ao apartamento, sendo que a mulher foi surpreendida fazendo uso de cocaína”, conta o capitão César Kamakawa, comandante da 2ª Companhia do 9º BPM.

Segundo o capitão Kamakawa, um dos homens estava com um mandado de prisão em aberto, sendo reconhecido como um dos responsáveis pelo roubo de um taxista, na última quinta-feira (19/09), no município de Pontal do Paraná. Nesta ocasião, que terminou em Paranaguá, dois dos envolvidos foram baleados, um foi preso, um apreendido, e outros dois conseguiram fugir, mesmo estando feridos.

Os policiais conseguiram localizar o apartamento, onde o trio suspeito estava, devido ao imóvel ter sido alugado por uma pessoa acusada de tráfico de drogas, a qual havia sido presa no dia 31 de agosto deste ano no balneário de Shagrilá. Com os envolvidos foi localizado certa quantia de maconha e de cocaína, além de um carro com pendências administrativas. Os suspeitos, moradores de Paranaguá, foram conduzidos à Delegacia de Ipanema, juntamente com o entorpecente e o veículo, para serem tomadas as providências cabíveis.

“Vale ressaltar a participação da comunidade, que através de denúncias auxiliou a PM a realizar seu trabalho com sucesso. Com a identificação de um dos envolvidos no roubo ao taxista, se percebe a continuidade das ações criminosas do tráfico de entorpecentes, agora também atuando em roubos na região, mas felizmente tirados de circulação”, afirma o capitão Kamakawa.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.